Como vender em multicanais para alavancar as vendas

Escolher mais de um canal para vender produtos é uma boa estratégia para alavancar as vendas. O vendedor pode ter uma loja física, seu próprio e-commerce e ainda anunciar em marketplaces.

Ele também pode trabalhar apenas com vendas online. Tudo vai depender dos objetivos de cada negócio. A ideia é poder alcançar um maior número de possíveis compradores colocando seus produtos a disposição em diferentes locais. 

A organização precisa fazer parte do dia a dia de quem quer trabalhar com vendas multicanal. Afinal, é preciso criar os anúncios, acompanhar as vendas, emitir notas fiscais, controlar os estoques e analisar em quais canais o resultado está sendo mais satisfatório.

Com este conteúdo, você vai entender como é possível vender em multicanais e alavancar as vendas de forma organizada como o auxílio de um ERP. 

ERP para vendas em multicanais

Você já fez seu planejamento e sabe onde quer anunciar seus produtos. Agora, é preciso manter a organização para que nada fuja do controle. 

Um dos primeiros passos para quem quer anunciar em diferentes locais, é optar por um ERP.

O ERP é um sistema que centraliza as informações de uma empresa. Para essa modalidade de vendas, onde o mesmo produto pode ser comprado em diferentes lugares, é fundamental que o sistema escolhido tenha integração com plataformas e marketplaces.

Ao conectar o ERP com os canais de venda, tudo fica centralizado. Veja alguns recursos:

  • Cadastrar um produto no ERP, vender na loja física e ainda anunciar tanto em sua loja e em diversos marketplaces;
  • As vendas de todos os canais, inclusive loja física, ficam centralizadas;
  • Ao efetuar o lançamento de estoques no ERP, os canais são atualizados para que você não venda o mesmo produto duas vezes;
  • Com as vendas reunidas, a emissão de notas fiscais se torna mais rápida e fácil; 

Vamos explorar estes recursos oferecidos por um ERP para que você possa verificar se faz sentido para sua empresa.

Catálogo de produtos

Quando você utiliza um ERP para organizar a empresa, pode cadastrar todos os produtos no sistema com as informações necessárias para vender em uma loja física e também online. 

Por exemplo:

Uma empresa tem uma Camiseta Azul cadastrada no ERP. Sendo assim, pode vender o mesmo produto em multicanais como:

  • Loja física, para ter uma relação mais próxima aos clientes e poder oferecer diferentes experiências de compra;
  • Loja virtual própria;
  • Marketplaces como Mercado Livre, Submarino, Amazon e Carrefour.

Ao realizar o envio de produtos para os canais, o sistema de gerenciamento cria um vínculo que é chamado de mapeamento. O mesmo acontece se importar os produtos das lojas para o ERP.

Este mapeamento faz com que o produto vendido seja identificado quando a loja receber um pedido e permite a atualização dos estoques disponíveis para venda.

Centralização das vendas

Você precisa acompanhar de perto os pedidos recebidos de todos os canais de venda. Mas acessar a plataforma de cada canal, além de dar trabalho, demanda muito tempo e pode atrasar o envio dos pedidos.

Com um ERP, onde foi realizada a integração com a plataforma e os marketplaces utilizados, todos os pedidos são recebidos em um só lugar. Sendo assim, não é necessário buscar as informações dos pedidos em diversas telas. 

Assim, quando receber um pedido, já pode partir para o fluxo dos pedidos do e-commerce, com a separação dos produtos, emissão das notas fiscais, embalagem das encomendas e envio.

A agilidade no pós-venda é fundamental para garantir o prazo de entrega, fundamental para satisfação dos clientes. 

As vendas de uma loja física também ficam centralizadas no ERP, para que você tenha total controle de tudo que foi vendido.

A centralização também permite uma melhor análise da performance de cada canal de venda, dos produtos mais vendidos e dos que estão encalhados.

Essas informações são fundamentais para verificar se as estratégias de venda estão sendo eficientes.  

Controle de estoques

Vender em diversos canais exige mais atenção no controle de estoques. Sem um ERP, ao vender um produto na loja física, será necessário atualizar manualmente o estoque disponível nos outros canais. 

Isso porque você não quer vender o mesmo produto duas vezes, certo? Imagine precisar cancelar uma venda por falta de produtos para o envio. Além de deixar o cliente insatisfeito, prejudica a credibilidade de sua loja.

Se utilizar um ERP conectado aos multicanais, ao realizar vendas os estoques são atualizados para que não ocorram problemas com a falta de produtos. 

Emissão das notas fiscais

As empresas precisam emitir notas fiscais para garantir a legitimidade das vendas e também para segurança do cliente caso precise trocar o produto adquirido, por exemplo. Esta é uma etapa do processo de vendas que demanda tempo, caso seja necessário digitar todas as informações e emitir uma nota por vez.

Com um ERP, todas as informações estão disponíveis, previamente cadastradas, como naturezas de operação e produtos.

Quanto aos clientes, estes são importados junto as vendas realizadas. Sendo assim, a inclusão de notas se torna mais rápida e fácil. Além disso, o vendedor pode selecionar todas as vendas e autorizá-las de uma só vez junto a Sefaz. 

Em poucos clientes, a nota fiscal está emitida e o pedido já está pronto para ser liberado. No caso das lojas físicas, a nota fiscal do consumidor é mais utilizada, e esta pode ser incluída através de um PDV próprio do ERP

Concluindo

O ERP é um sistema que ajuda a organizar a empresa. Ao se tratar de vendas em multicanais, ele se torna ainda mais importante, porque ajuda a centralizar as informações e a tornar os processos fluidos. 

Quando uma empresa utiliza um ERP, ela torna a gestão das lojas online e físicas mais fácil, pois tudo fica reunido em um só lugar.

O processo para anunciar produtos, controlar estoques e emitir notas fiscais é centralizado, economizando o tempo dos vendedores e evitando erros. O ERP é um aliado na hora de vender em multicanais. 

O Tiny ERP otimiza a rotina das empresas com funcionalidades que deixam o dia a dia mais leve. Com ele, você pode integrar com diversos canais de venda para que a gestão do backoffice do e-commerce e das lojas físicas seja realizado através de informações sólidas.  

Escolha um ERP para te ajudar a controlar o que acontece na empresa e economize o tempo destinado a cada atividade.

Boas vendas!

AboutDaniela Borsoi
Formada em Publicidade e Propaganda e amante de séries e filmes. Faz parte do time de marketing do Tiny ERP, focando na produção de conteúdos.
Quer criar o seu site em minutos? Conheça o Bume Site! FAÇA UM TESTE GRATUITO!